Domingo, 4 de Setembro de 2005

Quando Abri os Olhos...

Image hosted by Photobucket.com





Pode parecer estúpido eu estar a fazer este texto...mas como para mim não é...não me importa.
Critiquem-me, insultem-me, façam o que quiserem, mas nunca se metam com os meus amigos. E muito menos os magoem...
É verdade que passei por uma má fase, e ainda posso estar a passar...mas nada com ver os amigos a sorrir para tudo melhorar!!! Miriadel, SuNsHiNe, Shadow, Pedro, Mariana, Marta, Ricardo, Rui, Mário (os dois), Cristina, Vanessa e Rosário, tenho que vos agradecer muito mesmo...por tudo o que têm feito por mim, mas principalmente nestes últimos tempos :) Quero que saibam que acima de tudo adoro-vos e vocês vão estar sempre dentro do meu coração... especialmente a Miriadel, SuNsHiNe, Shadow porque sempre estiveram do meu lado quando mais precisei... e as duas primeiras especialmente, pois estiveram comigo num dia muito... mau.
Acho que não preciso de fazer textos a agradecer a amizade dos meus amigos...mas acho que não custa nada mostrar que me lembro deles por vezes...
A alguns de vocês simplesmente não tenho palavras para vos agradecer :) epah...aconteça o que acontecer sejam sempre a pessoa que cada um de vocês é...e isso é o suficiente para me meter bem, mesmo quando estou à beira do abismo. Obrigada...por nunca me fazerem desistir e obrigarem-me a continuar a ver a luz, por muito pequena que ela seja.






Queria a tua alma

Presa nas trevas,

Iria buscar toda a calma,

Para te ver a partir, juntamente com sentimentos que levas.



Sempre viria ao de cima, a verdade

Que inutilmente tentaste esconder,

Mas as peças juntaram-se e com elas veio a realidade,

De um sentimento que nunca se veio em ti desenvolver.



Abri os olhos a tempo, e não continuei cair...

Numa ilusão que tu fizeste questão de criar,

Enquanto tu estavas bem eu dor estava a sentir

Apercebendo-me um dia de que isso nunca foi amar.



Descobrindo que as tuas recordações permaneceram guardadas

Protegidas por um sentimento inicial...

As mágoas essas não voltarão a ser choradas,

Só porque tu fizeste as coisas mal.



Porque ninguém tem culpa dos erros que insistes em cometer,

Nem da culpa que te persegue e ilumina

Pobre criança em tanta confusão te estás a meter,

Num nobre destino que só o tempo tudo determina.



† Salira tSuki Crisis †

publicado por angel_of_Moon às 01:51
link do post | favorito
De Anónimo a 6 de Setembro de 2005 às 22:37
existem pessoas que nunca se emocionariam a ler isto, mas eu sim, porque sei o que é ter amigos assim e o que não é ter amigos. apenas quem não sabe dar valor aos amigos iria passar ao lado deste post. acho que eles irão ficar muit contentes por ler isto. continua...1001 beijitos..Pensamentos em Branco.
(http://pensamentosembranco.blogs.sapo.pt)
(mailto:anakatcc@hotmail.com)


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Pois é, pois é...

. de volta...

. Sem sentido...

. Pois... :o

. Actualização...

. Passado Presente -.-

. Quanto Mais Cais... Mais ...

. Anjos Caídos ... (:

. Quando Abri os Olhos...

. Dá asas à Dor e deixa-a p...

.arquivos

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds